domingo, 2 de novembro de 2008

EM CONSTRUÇÃO... AGUARDEM!


Minhas filhas Ana Laura e Ana Letícia, gêmeas univitelinas, nasceram em 02/07/2001 e eram super-saudáveis. Os processos de sentar, engatinhar e andar foi tudo normal. Com aproximadamente três anos e meio notamos que as outras crianças da idade delas já falavam e, embora Laura e Letícia entendesse tudo, elas não conseguiam formar frases, apenas falavam o último nome da frase que tentavam dizer... (depois, continua).

5 comentários:

pompilioneto disse...

caro micivan, parabens por sua iniciativa junto com sua esposa, quando vi este blog não resisti e parei para ler!
conte comigo como parceiro deste blog. estarei disponibilizando um link no meu.
grato pela atenção!
pompílio neto

diegomtf19 disse...

Foi com muito espanto que ao pesquisar no google encontrei alguém que tem a mesma sindrome do meu filho que hoje está com 18 anos mas,escontra-se acamado desde os 10 anos de idade quando recebemos o diagnóstico desta doença. Será muito bom trocar conhecimentos com alguém que está passando pela mesma situação. Espero logo saber mais de suas filhas.Que Deus abençoe vocês todos.

edilza.neres disse...

Caro Micivan, temos uma filha, Isabel-7 anos, com esta sindrome, diagnósticada em 2008, seus sintomas começaram tb aos 3 anos, moramos em Mossoró-RN, não tinhamos conhecimento de outros casos, será realmente muinto reconfortante nos comunicar com outras pessoas que passam as mesmas dificuldades como as nossas, meu nome é Edilza e meu esposo é Sérgio.

Anônimo disse...

Oi eu sou Jaqueline, tbem estou nesta mesma situacao, meu sobrinho J.V desde 2010 so vem ficando cda dia pior, uma crianca saudavel q foi bem ate seus 4 anos, qdo comecou a aspresentar fraqueza em seus musculos e agora ja esta com sonda pra poder comer. E extremamente triste olhar suas fotos antigas e agora ve-lo desse jeito... TRISTEZA....

ANA LAYSA FONCECA DE LIMA disse...

lindas meninas,eu também tenho dois filhos gêmeos alan e Arthur com essa doença e muito difícil,mais deus esta conosco sempre,queria saber se elas estão bem???um grande abraço!!!!!!!